Home Lançamentos A volta dos que não foram
A volta dos que não foram
CINÉFILOS
13 jan 2011 | Por Jornalismo Júnior

[A Morte e Vida de Charlie]

O espiritismo esteve em alta no cinema no ano de 2010, tanto aqui no Brasil como em Hollywood, com filmes como “Além da Vida” e “A Morte e Vida de Charlie” (Charlie St. Cloud), que estreia no dia 14 de janeiro. Charlie St. Cloud (Zac Efron), após ter seu irmão Sam (Charlie Tahan) morto em um acidente de carro, começa a ver seu espírito e logo abandona tudo e todos para se tornar zelador do cemitério da cidade e encontrar o espírito do irmão todas as tardes. Mas não demora muito para aparecer uma garota, Tess Carroll (Amanda Crew), que fará com que Charlie tenha que escolher entre ela e o irmão morto.

O filme dirigido por Burr Steers, que já trabalhou com Zac Efron em “17 Outra Vez”, até tem uma bonitinha história de amor entre Tess e Charlie, mas não empolga muito. E mesmo a relação entre Charlie e seu irmão, e alguns outros espíritos que aparecem, também não é de grande emoção. Os gansos que moram no cemitério é que acabam roubando a cena algumas vezes.

Zac Effron finalmente se livrou de fazer papéis cômicos ou musicais, como em outros filmes que trabalhou: “High School Musical”, “17 Outra Vez” e “Hairspray”. Nesse novo filme, ele pôde mostrar seu lado dramático, o que apenas mostra que ele ainda tem muito o quê aprender até se tornar um ator apto a fazer personagens que tenham uma forte carga dramática, ou algum personagem que pelo menos precise modificar as expressões do rosto ao decorrer da história. Mas o grande mistério continua: como Zac Efron consegue acordar, velejar e mergulhar sempre com o topete arrumado?

“A Morte e Vida de Charlie” é um filme com um clássico roteiro de amor, em que o protagonista precisa superar algum problema do passado, e provar que é um herói para poder ficar com sua amada. Uma típica história de filmes vespertinos que assistimos na televisão. Por isso, caso você perca este filme nos cinemas, pode apostar que logo o encontrará na telinha, para a alegria das garotinhas que continuam suspirando e gritando por Zac Efron.

Por Rafael Aloi

TAGS
Cinéfilos
O Cinéfilos é o núcleo da Jornalismo Júnior voltado à sétima arte. Desde 2008, produzimos críticas, coberturas e reportagens que vão do cinema mainstream ao circuito alternativo.
VOLTAR PARA HOME
DEIXE SEU COMENTÁRIO
Nome*
E-mail*
Facebook
Comentário*