Home Lançamentos Kursk: A Última Missão e o desastre naval russo
Kursk: A Última Missão e o desastre naval russo
CINÉFILOS
14 jan 2020 | Por Emylly Alves (emylly@usp.br)

Kursk: A Última Missão (Kursk, 2018) é um thriller dramático com direção de Thomas Vinterberg. A produção conta a trágica história real do submarino nuclear russo K-141 Kursk preso no fundo do oceano no mar de Barents.  

Sob o comando do capitão-tenente Mikhail Kalekov (Matthias Schoenaerts), a tripulação do Kursk era reconhecida como a melhor da Frota do Norte. Apesar de ser considerado inafundável, explosões ocasionadas durante um teste da Marinha Russa afundam a embarcação. 

Um desastre que é seguido por uma negligência acentuada do governo russo que deixa o mundo em suspense. Enquanto os marinheiros lutam para sobreviver presos dentro do submarino, suas famílias enfrentam desesperadamente os obstáculos políticos e a baixa probabilidade de resgatá-los.

Kursk: A Última Missão é um conto de heróis obedientes e oficiais hesitantes. Esse aspecto transforma a produção em uma história estática, aspecto que o diretor tenta solucionar alternando entre três narrativas separadas. Em uma delas, as famílias dos marinheiros pressionam o governo por respostas. Em outra, a resoluta Marinha Britânica tenta conquistar a suspeita velha guarda da Marinha Russa. E no terceiro, o capitão-tenente Mikhail Kalekov faz tudo o que pode, incluindo um mergulho ousado em um dos compartimentos inundados, para tentar manter seus homens vivos.

Os marinheiros esperam o resgate antes que a morte os encontre [Imagem: Paris Filmes]

Nas sequências em que as condições confinadas e claustrofóbicas deveriam ser enfatizadas, o diretor Thomas Vinterberg tem a improdutiva decisão artística de expandir repentinamente o quadro e fazer com que as cenas no mar cheguem a uma proporção completa. 

Além da cena inicial de histeria, Kursk: A Última Missão é principalmente uma história de graça silenciosa sob pressão. No filme, os marinheiros encharcados se questionam se o resgate conseguirá salvá-los, sentimento compartilhado com os espectadores.

O longa tem estreia prevista para o dia 9 de janeiro no Brasil. Confira o trailer:  

Cinéfilos
O Cinéfilos é o núcleo da Jornalismo Júnior voltado à sétima arte. Desde 2008, produzimos críticas, coberturas e reportagens que vão do cinema mainstream ao circuito alternativo.
VOLTAR PARA HOME
DEIXE SEU COMENTÁRIO
Nome*
E-mail*
Facebook
Comentário*