Home Lançamentos Negócio das Arábias: a aventura de lidar com o novo e o diferente
Negócio das Arábias: a aventura de lidar com o novo e o diferente
CINÉFILOS
01 ago 2016 | Por Jornalismo Júnior

por Mel Pinheiro
mel.pinheiro.silva@gmail.com

O choque de culturas é um tema muito falado nos últimos anos – sobretudo em 2016 com a crise dos refugiados – e mais uma vez, o cinema reflete os assuntos atuais da sociedade. A premissa do longa Negócio das Arábias (A Hologram for the King, 2016), (curiosamente dirigido por um alemão, Tom Tykwer), é um americano, que já fez negócios com os chineses, e vai trabalhar em um projeto na Arábia Saudita.

Alan Clay (Tom Hanks) perdeu o emprego devido à crise econômica e, falido, aceita gerenciar uma equipe de TI para construir um projeto de hologramas para o rei da Arábia Saudita. As dificuldades de trabalhar para a monarquia em um país onde a cultura é totalmente diferente da sua se une aos problemas pessoais de Alan, como atritos com a ex mulher, assuntos não resolvidos com a filha e um problema de saúde.

negocio-das-arabias-1
O filme começa com uma intensa quebra da quarta parede pelo personagem principal, que expõe sua situação em pequenas frases e alguns efeitos especiais, demonstrando que tudo o que ele tinha virou fumaça. Esse efeito aparece mais uma vez ainda no começo do longa, mas desaparece depois, o que deixa uma estranheza no espectador, que é preparado para um tipo de narrativa mais inovadora, que não é levada a diante.

Tal falha é compensada por uma linda fotografia, cuja função é apresentar algumas situações que o personagem principal deve enfrentar, e também contemplar as belas paisagens do país.

negocio-das-arabias-2


O bom humor do livro que inspirou a produção, Um Holograma Para o Rei, de Dave Eggers é mantido no filme, principalmente através do carismático personagem Yousef (Alexander Black), o motorista contratado por Alan que acaba se tornando seu amigo.

Mas não é só da diferença entre americanos e árabes que o filme trata. A quantidade de personagens bem construídos, inclusive dinamarqueses, tem como objetivo mostrar que apesar de todos os conflitos étnicos e históricos entre povos, as questões humanas são as mesmas em qualquer parte do mundo.

Com uma história inspiradora, Negócio das Arábias estreia nos cinemas brasileiros no dia 04 de agosto.

Confira o trailer:

https://youtube.com/watch?v=n_HQ1kBrfBY%3C

TAGS
Cinéfilos
O Cinéfilos é o núcleo da Jornalismo Júnior voltado à sétima arte. Desde 2008, produzimos críticas, coberturas e reportagens que vão do cinema mainstream ao circuito alternativo.
VOLTAR PARA HOME
DEIXE SEU COMENTÁRIO
Nome*
E-mail*
Facebook
Comentário*