Home Lançamentos Querido Menino te coloca em posição de entendimento, não julgamento
Querido Menino te coloca em posição de entendimento, não julgamento
CINÉFILOS
21 fev 2019 | Por Cinéfilos

Com tamanha sensibilidade, tenho certeza que Querido Menino (Beautiful Boy, 2018) vai conseguir arrancar lágrimas até daqueles que dizem nunca chorar nas salas de cinema. Baseado em uma história real, o filme acompanha a vida de uma família com um dependente químico.

Grande parte da carga dramática é concentrada no enredo que por si só é muito pesado. O fator que intensifica a conexão do público com a história é a atuação brilhante dos protagonistas, que conseguem dar vida a todo tipo de emoção. Steve Carell sempre é lembrado por seus diversos papéis na comédia, mas aqui vemos outra faceta do ator. Ele interpreta David Sheff, pai que faz o possível e o impossível para ajudar seu filho a parar de usar drogas.

E como não mencionar o brilhantismo de Timothée Chalamet, que interpreta com maestria Nic Sheff, filho de Carrel. Existem momentos e momentos. Alguns muito felizes, no qual ele é extremamente carinhoso e divertido com a família. Já outros em que é agressivo e incisivo em dizer que pararia de usar metanfetamina. Quem assiste consegue distinguir os momentos em que Nic está sóbrio daqueles em que está sob o efeito de drogas.

O momento em que Nic se droga junto com a namorada parece feliz para eles, mas é extremamente angustiante [Copyright AMAZON CONTENT SERVICES LLC. François Duhamel]

A linha narrativa pode causar um pouco de estranhamento no início, mas com o decorrer do filme tudo vai ficando mais claros. O diretor, Felix Van Groeningen, fez uso de alguns flashbacks para construir melhor a relação entre pai e filho. Momentos da infância e adolescência do garoto foram essenciais para entender sua personalidade e até, de certa forma, como ele entrou no mundo das drogas. David encontra um caderno antigo de Nic e descobre indícios de depressão que não sabia, através de passagens que mostram que as drogas eram uma espécie de refúgio para ele.

Uma das grandes mensagem que fica diz respeito sobre o quão difícil é superar um vício. Em diversos momentos o espectador é convidado a refletir acerca de estar nessa situação, nunca em posição de julgar as atitudes de ambos os lados, mas sim de entender. A dependência química é um problema muito sério, e lidar com ela envolve muitas variáveis que podem fugir do controle.

Querido Menino retrata um drama vivido por muitas famílias de forma emocionante e que, com certeza, te fará sair da sala de cinema com lágrimas nos olhos.

O filme chega ao Brasil no dia 21 de fevereiro. Confira o trailer:

por Marcelo Canquerino
marcelocanquerino@gmail.com

Cinéfilos
O Cinéfilos é o núcleo da Jornalismo Júnior voltado à sétima arte. Desde 2008, produzimos críticas, coberturas e reportagens que vão do cinema mainstream ao circuito alternativo.
VOLTAR PARA HOME
DEIXE SEU COMENTÁRIO
Nome*
E-mail*
Facebook
Comentário*