Jornalismo Júnior

logo da Jornalismo Júnior
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

Efeito Laranja Mecânica, ou não

Psicólogos explicam se jogos e filmes são mesmo capazes de influenciar o comportamento Por Thaislane Xavier (thaislanexavier@usp.br) Uma gangue que comete inúmeros crimes sem a menor razão aparente. Assim começa Laranja Mecânica, filme dirigido por Stanley Kubrick, baseado no livro de Anthony Burguess. O grupo de garotos, comandados por Alex DeLarge, invade casas e violenta …

Efeito Laranja Mecânica, ou não Leia mais »

Uma Noite de 12 Anos: um retrato visceral do desrespeito aos direitos humanos

O ano é 1972. O Uruguai é palco de uma violenta ditadura militar. Grupos de resistência se articulam para lutar contra as forças autoritárias do governo. Com direção de Álvaro Brechner, Uma Noite de 12 Anos (La noche de 12 años, 2018) narra a história real de três membros do grupo guerrilheiro Tupamaros, que são …

Uma Noite de 12 Anos: um retrato visceral do desrespeito aos direitos humanos Leia mais »

Humanos sonham com ovelhas de verdade

Por Bianca Muniz (biancamuniz@usp.br) “Androides sonham com ovelhas elétricas?” (1968) é uma das histórias mais conhecidas de Philip K. Dick, escritor norte-americano famoso por suas obras de ficção científica adaptadas para o cinema e televisão. Talvez você não conheça o romance por esse nome, mas pelo título “Blade Runner – O Caçador de Androides”, sua …

Humanos sonham com ovelhas de verdade Leia mais »

Festival Varilux 2018 – Nos Vemos no Paraíso

“Nos Vemos no Paraíso” faz parte do Festival Varilux de Cinema Francês de 2018. Para mais resenhas do festival, clique aqui. Dirigido e estrelado por Albert Dupontel, Nos Vemos no Paraíso (Au revoir là-haut, 2017), filme apresentado no festival Varilux, prende o expectador do início ao fim. Seja isso pela fotografia digna de prêmio ou pelas …

Festival Varilux 2018 – Nos Vemos no Paraíso Leia mais »

Há 25 anos, o basquete perdia sua maior estrela europeia

Por Bruno Nossig Considerado o melhor jogador internacional da história, Drazen Petrovic jogava um basquete inovador para a sua época, encantando com assistência mágicas e arremessos que o tornaram em um dos melhores na história nesse quesito. Na Europa, deixou sua marca com atuações históricas e médias absurdas, chegando a fazer 112 pontos em uma …

Há 25 anos, o basquete perdia sua maior estrela europeia Leia mais »

Rolar para cima