Home Arena Literária Com arquibancadas lotadas, finais masculinas da Liga Paulista de Futsal são decididas em jogos eletrizantes
Com arquibancadas lotadas, finais masculinas da Liga Paulista de Futsal são decididas em jogos eletrizantes

Equipes do Alto Tietê e do Vale do Paraíba protagonizam dois jogos com muitos gols em São José dos Campos

ARQUIBANCADA
18 dez 2023 | Por Matheus Bomfim (bomfim.matheus@usp.br)

Na quinta-feira, 07 de dezembro de 2023, ocorreram as finais das categorias adulta e sub-20 masculina e feminina da Liga Paulista de Futsal. No Ginásio do Tênis Clube, em São José dos Campos, ASF São Carlos e Guarujá Futsal se enfrentaram pela final do feminino sub-20; Ferroviária e CATS Taboão pela categoria adulta feminina; Inter Mogi e Guararema na masculina sub-20; e São José Futsal e Taubaté Umbro pela adulta masculina. Com os quatro jogos rolando em sequência, o Arquibancada acompanhou in loco as finais masculinas.

Todas as partidas tiveram transmissão da TV LPF. A BandSports também transmitiu ao vivo a final da categoria principal masculina. A Liga Paulista de Futsal reúne equipes de todo o estado de São Paulo e conta com duas competições anuais: a Copa da LPF, no primeiro semestre, e a própria LPF, no segundo semestre. Com 11 anos de existência, a liga conta, atualmente, com campeonatos desde o sub-07 masculino e sub-09 feminino até o adulto.

Ginásio lotado e muito equilíbrio marcam final do adulto

São José e Taubaté Futsal, duas equipes da Liga Nacional, precisaram de disputa por pênaltis para definir o campeão da LPF na categoria principal. Diferentemente do sub-20, as equipes se enfrentaram em jogos de ida e volta. Depois de um 2 a 2 na primeira partida, um 3 a 3 no tempo normal e 0 a 0 na prorrogação, o São José levou o título com a estrela do goleiro especialista.

Sob muito barulho da torcida única, em São José dos Campos, a equipe taubateana abriu o placar após saída de bola rápida conduzida por Foguinho, que assistiu Tomás após desmarque. Com menos de dois minutos para o término do  primeiro tempo, Mendonça cortou e bateu de fora da área embaixo das pernas do goleiro Bruno Donha. Poucos segundos depois, na famosa “cavada” no escanteio, a equipe do Taubaté desempatou com um  voleio de Fabinho, que desviou na defesa.

Nos primeiros minutos do segundo tempo, o São José empatou com uma linda jogada ensaiada em escanteio, onde Vandinho tocou de costas com a sola do pé para Mendonça, que chutou na trave e viu o companheiro empurrar para o fundo do gol. Com 6’ restantes para o final do tempo regulamentar, a equipe da casa virou a partida com um lance que foi a tônica de boa parte do jogo: a ligação direta. Após um lançamento do goleiro David, de dentro da sua própria área, Gustavo escorou de peito para a ala direita e Guilherme mandou para o fundo das redes. No último minuto, atuando como goleiro-linha, Júlio sobrou livre no funil taubateano e contou com leve desvio da defesa para guardar o empate dos visitantes.

Tênis Clube lotado recebe a final da LPF entre São José x Taubaté [Foto: Matheus Bomfim/Arquivo pessoal]

Após uma prorrogação disputada, a disputa de pênaltis evidenciou a estrela do goleiro Murilo, que defendeu duas cobranças e trouxe o bicampeonato para o São José. Para quem está acostumado com o futebol de campo, é curioso o fato de que ambas as equipes iniciaram com goleiros reservas nos pênaltis (Jholl e Lucas) e os trocaram novamente a partir da terceira cobrança: Bruno Donha voltou para o Taubaté e Murilo, que sequer havia entrado em quadra, consagrou o título são joseense pelo placar de 4 a 2.

Apesar de ter atletas que treinam a cobrança de pênaltis com mais frequência, o técnico Gabriel Oliveira fez com que todos os jogadores da equipe praticassem o chute na semana que antecedeu o jogo. Quanto à troca de goleiros, isso já era planejado: “Existem os especialistas, os que se saem melhor nessa situação. Lucas e Murilo são os pegadores de pênalti oficiais do São José”, conta Gabriel.

O técnico recém-efetivado ainda ressaltou a força mental da equipe, que manteve o foco após uma punição que lhe tirou pontos na LNF. “Uma das coisas que foi bastante conversada durante a preparação na semana [da final] foi a concentração. A mente forte ajuda a melhorar as ações em um jogo grande como esse”, explica o treinador. Justamente essa mentalidade forte, somada à confiança no trabalho, que sobressaiu na decisão. Mesmo com o golpe doloroso do gol de empate no último minuto, a equipe da casa conseguiu manter o foco na prorrogação e se manter viva até a disputa de pênaltis.

São José é bicampeão da LPF após bater o rival Taubaté [Foto: Pedro Bavuso/CBN Vale]

Final do futsal sub-20 tem chuva de gols e emoção até o último lance 

Na categoria sub-20, Inter Mogi e Guararema ofereceram um grande espetáculo para o público presente no ginásio do Tênis Clube, em São José dos Campos. As equipes do Alto Tietê se enfrentaram pela quinta vez em competições da LPF desde a estreia de Guararema na Liga, em 2022. Com retrospecto favorável à equipe de Mogi das Cruzes, com três vitórias e um empate, o último confronto entre ambas havia sido de muito equilíbrio, em um 3 a 2 decidido em um tiro livre desperdiçado por Guararema no último lance.

Quem assistiu a algum jogo anterior entre as duas equipes imaginaria um jogo com muitas faltas, ânimos quentes e reclamações com a arbitragem. Mas, nessa final sub-20 da LPF, o que o público viu foi um jogo franco, disputado e leal. Com sete minutos e 18 segundos para o fim do primeiro tempo, Guararema abriu o placar em saída de bola rápida no sistema 2T3A — um pedido do técnico Juliano Martins, ‘Jabá’, no tempo técnico instantes antes. Em menos de um minuto e meio, a equipe mogiana virou o jogo com dois gols do pivô Fábio: o primeiro em contra-ataque após roubada de bola; e o segundo após um drible desconcertante — Fábio recebeu a bola de Ruan ‘Filé’, dominou de sola já induzindo o chute com o pé direito e trouxe a bola de volta para o pé esquerdo, fuzilando de bico o goleiro Kauan.

Equipes do alto tietê fazem jogaço de futsal em São José dos Campos [Foto: Matheus Bomfim/Arquivo pessoal]

No segundo tempo, com pouco menos de dois minutos jogados, Marquinho empatou o jogo com jogada ensaiada de escanteio, em que Tales atacou o vazio no meio da área, abrindo espaço para Marquinho sair do meio e bater livre na ala direita. A resposta mogiana veio em menos de um minuto. Fábio fez o terceiro dele, após receber a bola de Gustavo Nascimento, cavando de pé esquerdo após fazer o pivô sem tocar na bola. Restando 12’, Gabriel bateu forte e Geovanne aproveitou o rebote do goleiro Kauan para ampliar o placar para o Inter Mogi em 4 a 2. 

Depois do quarto gol da equipe mogiana, o que se viu foi futsal em estado puro. Com os ânimos todos contra a equipe de Guararema, que teve boas chances de levar o quinto, o show de futsal começou quando Marcinho deu a bola no pivô, carregou a marcação com ele, abrindo espaço para que Felipe Silva recebesse sozinho um passe de calcanhar de Vitinho e diminuísse a diferença no placar para 4 a 3. Com seis minutos para o fim, ‘Tatá’ acertou uma pancada no ângulo de Kauan e parecia ter sacramentado o título da equipe mogiana.

Após tempo técnico, a três minutos para o fim da partida, o técnico Jabá orientou uma ultrapassagem rápida na segunda trave durante a queima de linha no goleiro-linha. O jogo mudou completamente. Com 2’ restantes, Vitinho bateu forte da ala esquerda e encontrou Murilo sozinho para desviar e diminuir. Menos de 1 minuto depois, após um facão rápido do próprio Murilo, a tentativa de desarme da defesa mogiana fez com que Vitinho só tivesse o trabalho de limpar e empatar a partida.

Com o empate em 5 a 5, a equipe mogiana do técnico Edson ‘Goda’ seguiu com sua tradicional marcação pressão em Y para incomodar  a construção ofensiva do adversário. Mesmo com o risco de errar no balanço da pressão alta e levar um gol com poucos segundos para o fim, a coragem de Mogi foi recompensada na última bola. Após uma dividida perto da área, Filé bateu o lateral rápido e encontrou Fábio, no meio das linhas de defesa de Guararema, que chutou no ângulo de Kauan e sacramentou o título com seu poker a  3 segundos do fim.

Fábio marca quatro gols na final e termina artilheiro da LPF sub-20 [Imagem: Guilherme Borges/ge]

O Inter Mogi, que havia caído nas quartas de final da Copa da LPF no primeiro semestre, precisou passar por um grande processo de aprendizagem após uma reformulação, iniciada em 2022. “No primeiro semestre de 2023, sabíamos que o desafio seria colocar a parte técnica e tática junto do entrosamento dos atletas, pois vieram jogadores novos. Mesmo tendo alguns remanescentes, o entrosamento faz a diferença no jogo”, afirma Renan Elias, treinador de goleiros da equipe.

Após uma mudança de estratégia no treinamento, a equipe de Mogi das Cruzes embalou no campeonato e chegou à final com a melhor campanha geral. O trabalho para a decisão não teve muitas mudanças e a comissão técnica buscou não colocar pressão nos jovens jogadores. “Não mudamos nada [no método de treino], pois sabíamos de nosso potencial […] e tivemos um trabalho descontraído para deixar o pensamento e a atmosfera leves”, conta Renan.

Do lado de Guararema, apesar da derrota, a primeira decisão em dois anos de existência na liga e em pouco mais de um ano de trabalho do técnico Jabá foi encarada de forma positiva. “Não tem frustração. Antes da final, já havia falado o quanto estava orgulhoso da jornada da equipe e da evolução obtida e o quanto os atletas haviam assimilado a maneira que eu gosto de jogar”, diz Jabá. O respeito e o legado da equipe é um fator comemorado pela comissão e pela torcida.

Quanto ao jogo, o treinador  esperava muito equilíbrio e sabia que a entrada de movimentos ofensivos, que chama de 2T3A, poderia explorar espaços na marcação 3-1 do Inter Mogi. “Defensivamente, sabíamos do jogo de 3-1 e da qualidade técnica do adversário, que dificultou muito algumas ações combinadas”, comenta o treinador. Ele complementou elogiando o ótimo jogo de futsal que as equipes proporcionaram ao público.

Arquibancada
O Arquibancada é a editoria de esportes da Jornalismo Júnior desde 2015, quando foi criado. Desde então, muito esporte e curiosidades rolam soltos pelo site, sempre duas vezes na semana. Aqui, o melhor de todas as modalidades, de todos os pontos de vista.
VOLTAR PARA HOME
DEIXE SEU COMENTÁRIO
Nome*
E-mail*
Facebook
Comentário*