Home Escuta Aí Onix Day: como foi o dia extra do Lollapalooza
Onix Day: como foi o dia extra do Lollapalooza
Escuta Aí
07 abr 2019 | Por Jornalismo Júnior

Por Mariana Arrudas

maarrudas@usp.br

Pelo segundo ano seguido, a Chevrolet trouxe, para o Lollapalooza Brasil, o Onix Day: um dia extra no festival que traz três atrações da Line up gratuitamente para proprietários de Onix ou para quem conseguir ganhar os ingressos que, em 2019, foram distribuídos por influenciadores e rádios. E o Sala33 foi lá conferir!

As atrações do Onix Day 2019 foram Portugal. The Man, Macklemore e Sam Smith. Os portões foram abertos por volta das 17h00 e deram início ao festival, quando as pessoas deixaram as preocupações do lado de fora e entraram no autódromo, que como nos anos anteriores, não falhou na estrutura.

Praticamente, já estava tudo a todo vapor: alguns brinquedos funcionando, bares e lanchonetes abertos, as paredes com os famosos pôsteres que sempre são cenário para fotos e até ativações de marcas. Às 18h30, começaram os shows: Portugal. The Man foi a primeira atração.

Com seu pop-indie, a banda cativou o público e trouxe para o Palco Onix um ar descontraído.O show foi um tanto quanto surpreendente, com grande enfoque em efeitos luminosos, sendo encerrado com o sucesso “Feel It Still”.

Mackemore [Imagem: Mariana Arrudas]

A segunda atração da noite foi uma verdadeira festa. Macklemore trouxe toda a animação e amor que o público queria ver. Iniciando o show com seu sucesso “Thrift Shop”, o rapper conseguiu contagiar totalmente os presentes. Além de suas trocas de figurino, batalha de dança (quando o músico chamou duas pessoas da audiência para o palco) e interação com a platéia, o show também trouxe uma mensagem muito forte de amor e respeito.

Macklemore deixou claro o quanto tinha vontade de vir ao Brasil e o quanto estava feliz de estar ali. Também falou que qualquer pessoa, independente da cor de pele ou orientação sexual, é e sempre será bem vinda em seus shows. Este discurso do rapper é algo que está dentro da temática do festival, então o posicionamento não é inédito. Mas na atual situação em que estamos, onde há tanto preconceito, relembrar isso é sempre positivo e o público deixou claro seu contentamento.

Sam Smith [Imagem: Mariana Arrudas]

Após toda a festa, o britânico Sam Smith veio e trouxe toda a sua melodia e sensibilidade através da música. Com a voz impecável, o cantor conseguiu embalar a plateia inteira em suas baladas românticas.

O cantor apresentou toda sua banda e fez interações com o público, deixando qualquer um completamente derretido. Além disso, deixou o autódromo todo iluminado pelos smartphones – e pela sua presença.

O Onix Day mostrou em sua segunda edição ser um verdadeiro sucesso. É uma ótima forma de quem não pode aproveitar os outros dias do Lollapalooza sentir o que é o festival e com certeza ter memórias ótimas dessas horinhas de shows e dessa atmosfera incrível que o autódromo carrega durante os próximos três dias.

Sala 33
O Sala33 é o site de cultura da Jornalismo Júnior, que trata de diversos aspectos da percepção cultural e engloba música, séries, arte, mídia e tecnologia. Incentivamos abordagens plurais e diferentes maneiras de sentir e compartilhar cultura.
VOLTAR PARA HOME
DEIXE SEU COMENTÁRIO
Nome*
E-mail*
Facebook
Comentário*