Home Lançamentos Operação Overlord: contamos com vocês
Operação Overlord: contamos com vocês
CINÉFILOS
06 nov 2018 | Por Jornalismo Júnior

O filme começa com soldados sendo jogados de um avião em chamas para solos inimigos para começar uma operação na tentativa de conter as forças do Eixo. No seu enredo, Operação Overlord (Overlord, 2018) trás uma mistura de cenas de ação e muito pouco ~nada~ de terror que envolvem história e o sobrenatural com boas atuações, mas lutas entediantes.

O enredo do longa vem com uma pegada bem diferente e promete misturar história com o sobrenatural. O cenário usado como fundo é uma operação de soldados norte-americanos que invadem a base inimiga dos alemães e tentam destruir a Igreja que funciona como forte dos nazistas. No entanto, ao longo da aventura eles descobrem que naquela Igreja acontecem coisas com um toque sobrenatural.

O longa conta com boa trilha sonora ao longo do desenvolver de sua história. Quando os protagonistas estão na floresta se preparando para invadir a base dos inimigos, por exemplo, a música de fundo é de tensão. Essa escolha de sons de background cria uma boa interação em cenas de silêncio.

Os efeitos especiais mais simples também são um ponto alto da produção do longa. Quando o avião está caindo ou os que estão ao seu redor estão sendo atingidos, a sensação passada é que você está realmente assistindo à queda de um avião.

As cenas de ação e de “terror”, no entanto, deixam muito a desejar. Além de serem pouco presentes em todo o filme, a qualidade delas não é das melhores. Apesar de os personagens invadirem a base inimiga, não há cenas de confronto e luta de fato, e eles conseguem se safar de qualquer possibilidade de ação.

Se a culpa dessas cenas deve ser depositada em alguém com certeza não é nos atores, que dão um show de interpretação. Eles transmitem ao público as emoções sentidas pelos personagens com maestria. Por exemplo, quando Boyce (Jovan Adepo), personagem central da trama, vai retirar um tubo que passa soro para a barriga de seu amigo e o mantém preso na maca, as expressões faciais de Adepo passam o seu sentimento de aflição ao público.

Operação Overlord

(Imagem: Paramount)

Outro ponto a ser ressaltado é o clichê das cenas. Em boa parte delas, como quando Boyce não é pego saindo ou entrando da base inimiga, ocorrem coisas que só acontecem em filmes nos quais os mocinhos vencerão e fazem com que a narrativa fique menos interessante e com poucos momentos que não são de puro tédio.

No quesito terror e ação o filme pode decepcionar. Mas os atores, o enredo e principalmente a junção entre realidade e sobrenatural fazem o ingresso valer a pena.

Operação Overlord estreia no Brasil no dia 08 de novembro, assista o trailer:

por Thaislane Xavier
thaislanexavier@usp.br

Cinéfilos
O Cinéfilos é o núcleo da Jornalismo Júnior voltado à sétima arte. Desde 2008, produzimos críticas, coberturas e reportagens que vão do cinema mainstream ao circuito alternativo.
VOLTAR PARA HOME
DEIXE SEU COMENTÁRIO
Nome*
E-mail*
Facebook
Comentário*